Dicas: Creme para Prevenção de Estrias e Varizes na Gravidez -250 ml

Posted on

Este texto abordará as varizes nas pernas (varizes dos membros inferiores), dando ênfase às causas, sintomas, prevenção e tratamento.

Juliana Puggina Cirurgia Vascular e Endovascular CRM-SP 134.963 As varizes, apesar de serem mais comuns nas pernas, também podem acometer as veias da região pélvica. O refluxo nas veias da região pélvica podem, inclusive, ser causa de reaparecimento de varizes nas pernas daquelas mulheres que já realizaram cirurgia para varizes. Outra característica interessante da evolução da doença é que ela ocorre mais em mulheres multigestas, isto é, que tiveram muitas gestações. De acordo com Guilherme Pitta, presidente da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, qualquer pessoa pode ter varizes, mas elas aparecem três vezes mais em mulheres. Entretanto, esse momento pode desencadear algumas condições não muito desejáveis como o desenvolvimento de varizes nas pernas, um fenômeno bastante comum que acomete 40% das mulheres. Para alívio de muitas mulheres as meias até o joelho, ou seja, as meias 34, são suficientes. Se forem de alta qualidade, elas podem evitar a cirurgia, mas nunca vão tratar varizes ou evitar vasinhos. Quem fica muito tempo sentado ou parado numa mesma posição corre o risco de desenvolver varizes no pé e na batata da perna. Algumas pessoas, em grande maioria as mulheres, começam a ter varizes de muito jovens.

Como evitar varizes na gravidez

  • Dor nas pernas ou virilhas;
  • Sensação de peso nas pernas;
  • Pernas mais inchadas no final do dia.

Os cuidados abaixo vão ajudar você a amenizar estes problemas desagradáveis e a prevenir as varizes na gravidez: Não é aconselhável remover as varizes e vasinhos durante a gestação.

Apesar de poder ser uma patologia temporária, a mulher deve preocupar-se em minimizar ao máximo a pressão nas pernas durante a gravidez e consultar um dermatologista. As mulheres devem evitar o uso de saltos muito altos ou extremamente baixos. As estrias aparecem principalmente, quando a pele é esticada rapidamente, o que acontece com o crescimento muscular e a gravidez Exercícios físicos em excesso podem causar estrias? Para os praticantes de musculação, evitar os suplementos e medicamentos pode contribuir para que as estrias não apareçam. O melhor tratamento é evitar engordar e emagrecer rapidamente e hidratar sempre a pele, mais como isso nem sempre é possível vamos ver alguns tratamentos caseiros para estrias. Muitas vezes o médico pode recomendar a toma de remédios como Daflon, Venalot ou Varicocell, para melhorar a circulação sanguínea e prevenir o surgimento de varizes. Fonte: meutem.com.br Um problema que atinge várias pessoas são as varizes, elas são veias deformadas que aparecem nas pernas de forma dilatada e acabam causando inchaço nas pernas e dor. Naquelas incisões que necessitam de pontos (quando há necessidade de retirada de veias safenas, ou grandes varizes), estes são em pequena quantidade e muitas vezes nem precisam ser retirados. A eliminação de varizes ainda está associada a um grande estigma que muitas mulheres não conseguem ultrapassar.

Creme para Prevenção de Estrias e Varizes na Gravidez -250 ml

  • Hereditariedade;
  • Gravidez;
  • Obesidade;
  • Sedentarismo;
  • Permanecer muitas horas em pé no trabalho.

É importante observar que as varizes causadas pela gravidez muitas vezes melhoram por conta própria no prazo de 1 ano após o parto.

• As mulheres encontram-se mais propensas a sofrer de varizes, por causa dos hormônios femininos; acredita-se que a progesterona, dentre outros fatores, favoreça a dilatação das veias. Na maioria dos casos, as varizes aparecem ao longo do tempo, pois com o envelhecimento as veias perdem sua elasticidade natural devido ao aumento dos níveis de inflamação. Quando você fica parado por muito tempo, é mais difícil para suas veias bombear sangue eficientemente de volta ao seu coração e combater os efeitos da gravidade. Certos alimentos ajudam a reverter a inflamação e melhorar o fluxo sanguíneo, tornando possível tratar as varizes mais rapidamente e evitar que novas apareçam. Mais comum entre as mulheres, as veias são aparentes e, muitas vezes, saltadas. Algumas pessoas não sentem nenhum sintoma e só reparam as varizes quando percebem as veias dilatadas, avermelhadas e, muitas vezes, azuladas. O autocuidado – como exercitar, perder peso, não usar roupas apertadas, elevar as pernas e evitar longos períodos sentada – pode aliviar a dor e evitar que as varizes permaneçam. Tente não ficar de pé ou se sentar em uma posição por muito tempo, elevar as pernas quando estiver sentado e evitar calçados inconstantes e meias ou meias apertadas. As varizes na gravidez acontecem frequentemente nas pernas, pois o peso do bebê na barriga dificulta que o sangue suba de volta para o coração.

3 dicas simples também podem ajudar você a evitar e tratar varizes nas pernas:

  • Escleroterapia: Neste procedimento, seu médico injeta pequenas e médias varizes com uma solução que cicatriza e fecha essas veias. Em algumas semanas, as varizes tratadas devem desaparecer;

Apesar de atingirem quatro vezes mais mulheres e serem quase regra durante a gravidez, as varizes estão presentes em 20% a 30% da população, incluindo os homens.

Observe se a sua pele está predisposta ao aparecimento de estrias por estresse, gravidez, perda ou ganho de peso rápido excessivo, celulite, hereditariedade ou alterações hormonais; Apesar de mais comuns em mulheres, as varizes — veias dilatadas, geralmente, nas pernas e nos pés — também podem afetar os homens. Estamos falando das terríveis varizes, tão temidas pelas mulheres, pois geram prejuízos estéticos e provocam ainda muitos sintomas desagradáveis, como inchaço e dores nas pernas. O primeiro passo é evitar pressão demais nas pernas durante a gravidez. Por causa da pressão sanguínea as veias se dilatam e acabam formando as varizes.As varizes geralmente aparecem nas pernas, mas pode aparecer em outras partes do corpo também. Eu sei que muitas meninas da minha idade fazem isso, mas eu aprendi que as mulheres que cruzam suas pernas podem estar sujeitos a veias varicosas. Eu nunca desenvolveu as varizes até minha terceira gravidez e eu estou ainda sair todo minhas pernas quase um ano depois. Mas as mulheres são, de facto, as mais afetadas, em particular como consequência de uma gravidez. As veias varicosas na gravidez também ocorrem se a mulher tem 20 ou 30 anos.

Varizes na gravidez: são comuns? por que isso acontece? é possível evitar? Conheça as dicas para uma circulação saudável na gestação.

Probleminha que incomoda muitas mulheres e homens também.

Dr. Alexandre: Existem meias adequadas para mulher gravida, então no início da gravidez são meias mais simples, depois tem as meias próprias para quem já está com a barriga. Ou seja, a pessoa que tem tendência ao aparecimento de varizes consegue, controlando os demais fatores, evitar ou pelo menos retardar o reaparecimento do problema após o tratamento. Normalmente as varizes aparecem nas pernas, no entanto, podem aparecer também em outras partes do corpo. Mesmo vasinhos pequenos chamam mais atenção nas mulheres que nos homens, pois os pêlos nas pernas masculina disfarçam bastante a presença das varizes e dos vasos. Outro agravante é quando a mulher já tem sintomas de dores nas pernas, inchaços e cãibras, que são um indício do aparecimento das varizes. Mas vale ressaltar que nem todas as pessoas acabam desenvolvendo varizes, porém, é importante ficar atento aos sintomas e procurar um médico quando eles aparecem. Uma grande parte das varizes e derrames que aparecem durante a gravidez podem chegar a desaparecer depois do parto e aquelas que permanecem podem ser eliminadas fácil e rapidamente. Durante a gravidez há que realizar o seu seguimento para evitar complicações e aliviar possíveis desconfortos, mas não se pode efectuar nenhum tratamento. E, caso a mulher esteja fazendo algum tratamento de varizes antes da gravidez, ele deve ser interrompido durante todo o período da gestação.

O melhor remédio para evitar e também para tratar as varizes não tem custo nenhum e só traz benefícios para as futuras mamães.

Durante a gravidez a prática de atividades físicas estimula a circulação sanguínea, o que diminui os inchaços nas pernas e ainda ajuda a prevenir e a tratar as varizes. Quando pensamos especificamente  nas varizes, temos que entender que elas  aparecem com mais freqüência nos membros inferiores, ou seja: pés, pernas e coxas. Mulheres grávidas, por exemplo, que sabem que tem probabilidade de desenvolver varizes, devem andar, usar meias elásticas e fazer alguns períodos de repouso com as pernas para cima. As varizes são basicamente um problema na circulação, em que o sangue não consegue fazer o seu caminho de volta ao coração e fica aprisionado nas pernas. Planta medicinal utilizada para tratar problemas circulatórios, a castanha da índia tem sido estudada pelos seus benefícios no tratamento e em como evitar varizes. Essa propriedade das meias de compressão contribui para uma redução do inchaço das pernas e pode contribuir para quem busca como evitar varizes. Há hábitos que podem piorar o quadro ou ainda dicas para evitar estrias no dia a dia e também na hora de treinar. Vale lembrar que, embora elas sejam mais comuns nas mulheres do que nos homens, os homens também estão sujeitos a ter estrias. Vale lembrar que, depois que as estrias aparecem, somente tratamentos com cremes ou laser pode ajudar, mas mesmo assim não acabam totalmente com elas. Seguindo todas essas dicas de como evitar estrias na musculação e no dia a dia, você poderá ter um corpo mais bonito e saudável.